Categoria: Saúde Geral

DESITIN AZUL X DESITIN ROXO – VOCÊ SABE A DIFERENÇA?

DESITIN AZUL X DESITIN ROXO – VOCÊ SABE A DIFERENÇA?

“Amiga, você vai viajar para comprar o enxoval do baby? Compra DESITIN, 10 potes azuis e 10 potes roxos, tá!

Aí você gravidinha, com seu “pãozinho no forno”, pensa: “Oi? Do que ela tá falando?”

Brincadeiras a parte, apesar de já termos Desitin à venda nas farmácias do Brasil, muita mamãe de primeira viagem não sabe o que é. Mas calma, eu explico!!!

Desitin é a pomada queridinha das mamães que viajam para comprar o enxoval nos Estados Unidos, realmente ela é maravilhosa e podemos encontrar o famoso “potão”.

Aqui no Brasil, temos ótimas pomadas também, mas todas são vendidas em tubo. Lá um pote custa USD 14,00, o equivalente a R$ 49,00 (considerei o dólar a R$3,50).

MAS AFINAL QUAL A DIFERENÇA ENTRE O DESITIN AZUL E O ROXO?
Ambos são cremes preventivos de assaduras e devem ser usados a cada troca de fraldas. Porém o ROXO é mais forte, pois tem algumas substâncias a mais em sua formulação.
O fabricante recomenda usar Desitin AZUL todos os dias para prevenção de assaduras e o Desitin ROXO para quando o baby começa a ficar assadinho e a pele estiver mais sensível.
Mas não é uma regra, muitas mães usam em todas as trocas de fralda o ROXO e tem mamãe que só usa o AZUL.

Leia também: Hipoglós reclamações

QUAL A QUANTIDADE DE DESITIN QUE DEVO COMPRAR NA HORA DO ENXOVAL?
Um pote dura em média 6 meses (na minha casa), faça o cálculo de quantos você vai precisar até poder viajar novamente para comprar.

Mas atenção meninas, atentem para a data de validade, não adianta comprar 6 potes se não forem usá-los até o vencimento.

QUAL A DIFERENÇA DO DESITIN AMERICANO PARA O BRASILEIRO?
Nas farmácias aqui está a venda apenas o AZUL e a principal diferença é que aqui não vendem em pote, somente em tubo.

Mas se você for “cri-cri” como eu, vai reparar que a textura é diferente, parece menos cremoso.

É isso mamães, espero ter ajudado! Vamos manter o bumbum dos nossos babys livres de assaduras.

E se quiser saber mais sobre os melhores produtos para os bebês ou for fazer enxoval nos EUA, ofereço consultoria de enxoval para gestantes.

RISCOS DA EXPOSIÇÃO DA PELE AO SOL

O verão está chegando e com ele tudo aquilo que a gente ama: a praia, o sol, o mar e alguns dias de descanso para aproveitarmos. Mas é preciso estar atento! Muito cuidado na hora de se bronzear, se expor sem as devidas proteções ou exagerar na dose pode resultar no efeito contrário ao que você espera e ao invés de voltar das férias linda e bronzeada, você corre o risco de pegar insolação ou se queimar e ficar vermelha como um camarão.

A falta de cuidados com a sua pele em relação ao sol pode gerar vários problemas e até causar doenças de pele, indo muito além do que somente a estética. Entenda quais são os riscos da exposição da pele ao sol e como se prevenir para aproveitar somente o melhor do verão!

Riscos do sol para a pele e como evitá-los
Calma, você não precisa se trancar dentro de casa e fechar todas as janelas! Tomando os cuidados necessários, você pode aproveitar o sol e até pegar aquela cor que deseja sem se preocupar. O excesso de sol pode trazer prejuízos à saúde da pele, mas com medidas simples é possível aproveitá-lo sem colocar a pele em risco.

Riscos da exposição excessiva do sol a pele
• Provoca queimaduras
• Pode causar vários tipos de foto dermatoses (doenças de pele), algumas delas são:
– Melasmas (manchas de sol de tom marrom)

Leia também: Terçol prevenção

– Fitofotodermatoses (manchas que resultam de uma inflamação pelo contato da pele com algumas frutas, principalmente as cítricas, como limão)

– Queratose (uma ferida áspera que pode se tornar câncer de pele)

• Pode agravar algumas doenças e problemas como lúpus, cloasma, urticária solar, acne e o vitiligo.
• Provoca, a longo prazo, o envelhecimento cutâneo precoce.
• Perda de elasticidade e aparecimento de rugas
• Problemas de visão: O excesso de luminosidade pode causar problemas de visão, como catarata, pterígio e até câncer nas pálpebras.
• Câncer de pele.
Cuidados para se proteger do sol
• Lembre-se do protetor solar!
Esse passo todo mundo já sabe, mas muita gente ainda acha que é bobagem. O protetor solar é um dos itens mais importantes para o cuidado da pele, já que os raios ultravioletas dos raios solares (UV) podem causar desde uma pequena vermelhidão a queimaduras graves, envelhecimento precoce e até o câncer da pele e os protetores solares impedem que os raios solares UVA, cheguem à camada interna da pele (a derme) e os raios UVB, que atingem a camada mais externa (a epiderme).

Mas nada de passar o protetor solar quando já estiver na praia ou na piscina! Para que o protetor solar estabilize na pele demora cerca de 20 a 30 minutos, por isso, aplique o produto 20 a 30 minutos antes de se expor ao sol.

• Evite o sol do 12h00 as 16h00, nesses horários há uma maior emissão dos raios ultravioletas, conhecidos por causar câncer de pele e, portanto, não é recomendado se expor ao sol neste horário.
• Use chapéus e óculos escuros para proteger os olhos e o rosto dos raios solares
• Beba bastante líquido como água, água de coco ou sucos de frutas, evitando as bebidas alcoólicas, e ingira alimentos frescos.
Antes de colocar o pé na estrada, que tal se preparar para o verão com a depilação Não+Pelo? Agende já a sua avaliação gratuita ????

Fique atenta a todas essas informações e aproveite o seu verão da melhor forma possível!